terça-feira, 11 de janeiro de 2011

TEATRO SERÁ CONSTRUÍDO NO COLÉGIO GETÚLIO VARGAS






A população de Volta Redonda ganhará em 2011 mais um espaço cultural. O Teatro do Colégio Getúlio Vargas, no bairro Laranjal, terá capacidade para 600 pessoas e será utilizado por alunos e pela comunidade. A licitação para a escolha da empresa que executará a obra será realizada no dia 20 de janeiro e, após a assinatura da Ordem de Serviço, o prazo para a conclusão da obra é de oito meses. O investimento é da ordem de R$ 2,5 milhões.
O teatro terá quase 1.700 metros quadrados de área construída, divididas em três pavimentos: subsolo, térreo e primeiro piso. O piso térreo vai abrigar o palco, com quase 260 m², e o maior número de poltronas: 462. O primeiro piso, que será construído em forma de mezanino, a exemplo do Cine 9 de Abril, terá 134 lugares e uma sala de projeção. Os dois espaços contam com hall de espera. No subsolo, serão construídos dois camarins, banheiros, copa e três salas multiuso, que poderão ser usadas para ensaios e ainda para realização de cursos.
O projeto, elaborado pelo IPPU (Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano), contempla os portadores de deficiência física com todas as adaptações, que garantem acessibilidade para cadeirantes.

Investimento

A implantação do teatro é a segunda etapa das obras de reconstrução do Colégio Getúlio Vargas. O prédio que abriga a administração da Fevre (Fundação Educacional de Volta Redonda) e os 2,4 mil alunos dos ensinos Médio e Fundamental e Cursos Técnicos foi totalmente reformado no ano passado, com um investimento de 1,4 milhão. A obra, que garantiu melhorias para alunos e funcionários, foi entregue em agosto de 2010.
Além disso, o teatro do Colégio Getúlio Vargas confirma a ideia do governo municipal de unir comunidade e estudantes por meio da cultura. Ainda em 2010, o Colégio João XXIII foi a primeira unidade da Fevre a ter o auditório transformado em teatro, com capacidade para 240 pessoas.


Fontes: Reportagem: www.portalvr.com
              Imagens: IPPU/VR
              Também pode ser lida em: www.diariodovale.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário